Morador denuncia que proprietários de cães levam seus animais para áreas de lazer e estes causam problemas às pessoas

Criadas ou revitalizadas para funcionar como espaço de lazer de moradores, algumas praças de Vianópolis têm moradores da cidade e muitos cães, levados por pessoas que vão passear ou fazer exercícios nos aparelhos disponibilizados pelas academias ao ar livre. E isso, tem causado transtornos a diversas pessoas.

A disputa de espaço entre humanos e caninos não está sendo agradável, segundo um morador que procurou nossa reportagem para que fosse feita uma matéria sobre o assunto.

Além de urinarem e até defecarem nas praças, teve casos em que pessoas foram agredidas, já tendo sido registradas brigas entre cães.

Também já foi vista em uma praça pública de nossa cidade, uma cadela, levada por um morador, que estava no cio.

Recentemente, um garoto foi mordido por um cão em um de seus pés. A agressão ao garoto aconteceu na Praça João Mesquita, que fica no Setor Santo Agostinho. Por sorte, o corte foi superficial, não havendo necessidade de ser levado ao hospital de nossa cidade para ser medicado.

O morador pede que a Prefeitura Municipal realize uma campanha de conscientização sobre a prioridade do uso dos espaços públicos de nossa cidade, que são destinados a adultos e crianças, e não aos cães.

Por mais que os cães sejam mansos e de porte médio ou pequeno, segundo ele, estão em local inapropriado e criando problemas para moradores.

É preciso esclarecer também, finaliza ele, que em caso de qualquer dano causado por um cão a uma pessoa, o dono do animal será responsabilizado.

11 comentários em “Morador denuncia que proprietários de cães levam seus animais para áreas de lazer e estes causam problemas às pessoas

  • 13 de setembro de 2018 em 11:26
    Permalink

    Que tanto de frescura, daqui a pouco nem na rua vai poder andar com cachorro. Nenhuma lei proíbe cachorro em praça PÚBLICA. Se a pessoa está incomodada que faça uma so pra ela.

    Resposta
  • 13 de setembro de 2018 em 12:06
    Permalink

    Pura verdade, estava em uma destas praças caminhando e fazendo exercicios,E derrepente chega um jovem com um cachorro de porte grande por sinal era um fila, o cachorro fez xixi por toda banda e antes de ir embora fez cocô na grama ,achei um absurdo e depois o dono e o cachorro foi embora. Como isto doc e tão simples ,A prefeitura tem que tomar as providências urgente.

    Resposta
  • 13 de setembro de 2018 em 12:13
    Permalink

    São donos de cachorros que não tem a percepção que nem todos gostam de cães e que seus cães são dóceis com os seus donos.
    Deveriam desconfiar e ver que estão incomodando os demais com seus animais.
    Muito oportuna a reclamação e a reportagem, pois incomodam mesmo e não só nas praças mas na rua também.

    Resposta
  • 13 de setembro de 2018 em 13:20
    Permalink

    Só acho q tem está denunciando os cachorros n está olhando outras coisas. N tenho cachorro porem sempre levo meus filhos p se divertirem lá. O maior problema lá e o tráfico e uso de entorpecentes.(droga) essa sim está difícil de suportar ao ponte se termos q ir embora tem dias. E é feito denúncia e as autoridades competentes n faz nada. Eu mm já denuncie várias vezes qd a outras pessoas tbm.

    Resposta
  • 13 de setembro de 2018 em 13:27
    Permalink

    acredito q cada um tenha suas responsabilidades com seus animais, sendo q junte as fezes e sempre esteja com seu animal na coleira. existem pessoas q não gostam de animais mais exitem outras q tem como prazer sair com seu bichinho, se o local e publico e não tendo outro lugar especifico para os animais deve-se sim levar seu bichinho e se divertir com ele sim. pois o local e pra todos curtirem da forma q acha mais agradavel.

    Resposta
  • 13 de setembro de 2018 em 18:55
    Permalink

    Caro(a) inter leitor(a) com o apelido “Alguem”

    Uma das reclamações foi feito por minha pessoa, pois meu filho, que frequenta a praça diariamente, foi o garoto mencionado na reportagem, e que foi atacado na praça João Mesquita, no Setor Santo Agostinho, por sorte não houve lesão de maior gravidade, mas poderia ter ocorrido e não só com ele, mas com outras crianças que lá buscam espaço para seu lazer de final de tarde e fins de semana.
    Vale lembrar a V.Sa. que tal fato poderia der acontecido com outra criança, podendo até ser um de seus filhos ou irmãos.
    A Lei 2.140/2011 estabelece normas para diversas raças de cães, mas acredito que o bom senso de seus donos devam prevalecer.
    Fico imensamente grato pela reportagem, lá cita que outros cidadão já se manifestaram com sua insatisfação.
    Abraços

    Resposta
  • 14 de setembro de 2018 em 00:12
    Permalink

    Tenho cão e sempre ando c ele nessa mesma pracinha porem tenho bom senso e sempre recolho as fezes e não aproximo de pessoas ou crianças c ele… Creio q não deva ser difícil para os donos ter bom senso quando passear c seu animal … Tomar cuidado principalmente c crianças e sempre recolher as fezes doa mesmos… A reportagem é de grande importância assim fica o alerta aos proriatarios de cães … Não custa nada manter o animal na coleira e tomar cuidado ….parabéns pela reportagem. ..

    Resposta
  • 14 de setembro de 2018 em 08:36
    Permalink

    Bom dia a todos , é realmente vai muita gente só pra levar seus cachorros Pit Bull ,outros…pra ta fazendo suas necessidades naquele local,e a gente que tem ficar desviando dos cachorros,e viajando nossas crianças por que elas não podem correr,e ficar perto dos cachorros,pq a maioria são cachorros de porte grande,e de raça agressiva,quem não tem medo daquela raça Pit Bull?São cachorros lindos , porem não são todos mansos, não são todos que gosta de crianças,eles irritam facilmente, não estou aqui falando que não podem ir a praça essas pessoas com esses cachorros,mais é pq a pracinha não esta sendo mais lazer, Nós não podemos ficar a vontade neim nossas crianças,pq ate os donos dos cachorros levam alguns na coleira ,mais chegando na praca eles soltam eles! Não estou aqui falando mal de cachorros ,pq eu tenho os meus e amo eles!Mais temos que alto policiar devido o lugar que levamos eles!

    Resposta
  • 14 de setembro de 2018 em 10:32
    Permalink

    Segundo a uma pessoa da Limpeza urbana ele fica indignado com tanto coco de cachorro nas praças quando vão fazer a rosagem e limpeza das gramas os resquícios embaransam na máquina e voa tudo em quem está rosando…. sem contar o mal cheiro ….

    Resposta
  • 14 de setembro de 2018 em 10:48
    Permalink

    Ok…. meu rapaz leva as cachorras pra passear mas não tinha olhado pra esse lado, vou alerta-lo sobre tal, tanto como soltar ou a sujeira que elas possam vir a fazer, tem que falar e reclamar mesmo. Tem uns que sai com os cachorros soltos e os mesmos as vezes avançam nos meninos, já vi isso e aconteceu com meu menino.

    Resposta
  • 14 de setembro de 2018 em 22:49
    Permalink

    Fui com minha filha de 3 aninhos em uma das praças e me deparei com uma cena totalmente desagradável,não foi com minha filha foi com outra criança da mesma idade. A criança estava sentada na areia brincando e os jovens que estavam com um cão (pitbul) jogava o objeto pra ele buscar perto da criança causando total desconforto com a poeira e a areia q era jogada na criança, isso aconteceu diversas vezes,a criança mudava de lugar e os jovens se divertiam jogando novamente perto da criança até q ela sai chorando até sua mãe que vendo a inconveniência dos jovens pegou seu filho e foi embora.
    Foi uma situação extremamente desconfortável até pra mim q só observava o ocorrido. A mãe humilde e simples pegando seu filho no colo e indo embora com um semblante de indignação e desconforto ,isso cortou meu coração.
    Isso tem que mudar….. É como todos sabem esses jovens são todos filhos de papeizinhos,trem tudo q querem,só não aprenderam o que respeito pelo próximo.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *