Rua ligando a Avenida Thales Pompeo de Pina ao Bairro de Lurdes será aberta em breve

Um TAC-Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta firmado pelo empresário Wagmar José de Almeida, proprietário de um terreno urbano nas proximidades do Terminal Rodoviário, e a Prefeitura de Vianópolis, possibilitará a abertura da Rua Francisco Frankilin de Alencar, ligando a Avenida Thales Pompeo de Pina ao Bairro de Lurdes.

Além disso, permitirá o tráfego de veículos na Rua Francisco Joaquim da Luz, abaixo da Rua Eugênio Jardim, que hoje é usada em apenas um quarteirão.

Pelo TAC, o empresário se compromete a implantar a infraestrutura necessária no local.

A abertura das referidas ruas, como consta no TAC, é de interesse público, já que melhorará a mobilidade urbana, a segurança e, consequentemente, a qualidade de vida da população de Vianópolis.

Por sua conta, o empresário fará a pavimentação asfáltica nas ruas, instalará galerias pluviais, assim como iluminação pública, meio fios e dissipadores de energia no final das galerias pluviais.

Após a implantação da infraestrutura, o empresário poderá lotear a área urbana que possui no local.

No TAC firmado, o empresário se compromete a assumir todos os gastos com a implantação da infraestrutura.

Dessa maneira, o Governo de Vianópolis nada gastará com os trabalhos que serão feitos para a abertura de parte das ruas Francisco Joaquim da Luz e Francisco Frankilin de Alencar.

A nova rua sairá da Avenida Thales Pompeo de Pina, passará pelo Parque Santa Rita, no mesmo alinhamento da Rua Dona Carolina, e seguirá até o Bairro de Lurdes. Ou seja, quem descer pela Rua Carolina irá, num futuro muito próximo, adentrar a nova rua que será uma sequência da Dona Carolina.

Com autorização da Secretaria do Meio Ambiente, após estudos de impacto ambiental, algumas árvores serão retiradas para a abertura da Rua Francisco Frankilin de Alencar.

A empresa Líder-Locações de Máquinas e Serviços, com sede em Senador Canedo, foi contratada e ficará responsável pelos serviços. Medições e levantamentos já foram feitos e, em breve, os serviços começarão.

Pelo TAC, todos os serviços de retirada de árvores serão acompanhados pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente, enquanto que os demais serviços de implantação da infraestrutura serão fiscalizados por outras secretarias.

????????????????????????????????????

 

????????????????????????????????????

????????????????????????????????????

6 comentários em “Rua ligando a Avenida Thales Pompeo de Pina ao Bairro de Lurdes será aberta em breve

  • 15 de maio de 2019 em 14:16
    Permalink

    Que ótima noticia…Ja era hora. Deveriam aproveitar a mesma pra fazer subindo ai que da acesso ao Ipasgo, iria ficar show.

    Resposta
  • 15 de maio de 2019 em 15:34
    Permalink

    Espero que derrube o mínimo possível de árvores pois na área abaixo da feira livre é reserva lá não pode ter lotes portanto derrubar somente árvores que atinge a rua a ser aberta e a calçada pode ser mais estreita. Secretaria do meio ambiente fiscalize o máximo possível para não derrubar árvores que não precisa pois aquele lugar ali vale ouro para a nossa natureza.

    Resposta
  • 15 de maio de 2019 em 18:49
    Permalink

    Um bom projeto executado de forma correta… Mas uma ressalva gostaria de saber sobre a verba destinada para a pavimentação do residencial blazi,segundo várias informações dadas pelo próprio site diz está disponível está verba a tanto tempo dizendo q já estava sendo feito licitações de empresas para o início das obras..porém passa tempo e ano e nada acontece…ja q a cidade está sempre em obras esperamos ansiosos por mais está em nosso bairro…grato..

    Resposta
  • 15 de maio de 2019 em 20:51
    Permalink

    Parabéns, Vianópolis segue crescendo graças a esse governo honesto e competente, mas uma grande obra para benefício do povo Vianapolino

    Resposta
  • 15 de maio de 2019 em 21:57
    Permalink

    E um projeto ao meu ver que deveri melhor ser analisado pelos nosso representantes vereadores, prefeito e secretários, e ouvir a sociedade vianopolina, não se resolve um problema causando outro ,aquela local não deveria ser uma área de preservação permanente ,hoje estamos destruindo a natureza amanhã ele nos destruirá.

    Resposta
  • 16 de maio de 2019 em 08:46
    Permalink

    Vejo que o mais beneficiado com este projeto será o dono do loteamento. Não tem um projeto para ligar o Blazi ao Santo Agostinho? Seria feito pelo Jardim Europa, com certeza com recurso de uma ponte (passando pelo córrego Santa Rita), com certeza com algumas intervenções nas árvores mas com menos impacto, creio eu; E que estaria mais longe da nascente. Secretária do Meio Ambiente analisem isso ai.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *