Corpo de Denize Salete Boneis só será liberado amanhã, 13, pelo IML de Anápolis

Após serem acionados por um familiar que suspeitou da morte de uma mulher no Bairro Michelle, policiais civis foram até a residência de Denise Salete Boneis e a encontraram morta, no início da tarde desta sexta-feira, 12.

Horas depois, uma equipe do IML (Instituto Médico Legal)  recolheu o corpo, que já estava em decomposição, e o levou para Anápolis, a fim de que fosse realizado o exame cadavérico.

Como autópsia em corpo em decomposição não é feita no período noturno, o corpo de Dona Denise só será liberado amanhã, 13, por volta das 12h.

Assim sendo, a família decidiu que não realizará velório e o sepultamento acontecerá assim que o corpo chegar em nossa cidade.

Dona Denise, que faleceu aos 69 anos de idade, ficou viúva recentemente de Ari Alves da Cruz, falecido no início de abril deste ano. Ela era sogra de Clailton José Vieira (Cleiton), proprietário de uma borracharia na Rua Calil Elias Neto.

Dona Denise era descendente de família do Rio Grande do Sul e residiu por mais de 10 anos em Ponte Funda, sendo que ultimamente residia no Bairro Michelle.

À família enlutada, nossas condolências!

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *