Vianopolino faz depósito para golpista, mas banco consegue fazer estorno e devolver dinheiro

thumbnail (11)

 

Um vianopolino foi vítima de golpistas e por pouco não perde uma quantia considerável de dinheiro.

De acordo com informações levantadas por nossa reportagem junto a uma fonte policial, um homem de Vianópolis recebeu uma ligação na noite da última terça-feira, 20/07, solicitando ajuda para um familiar que estava com o carro quebrado em uma determinada cidade.

A pessoa que falou com o vianopolino informou que era preciso fazer um depósito de R$ 1.500,00 em uma determinada conta. O valor seria para pagar o mecânico que iria arrumar o carro.

Pensando ser realmente seu parente e buscando ajudar, o vianopolino se dirigiu à agência do Bradesco de Vianópolis e depositou a quantia pedida. O dinheiro foi colocado em um envelope e o depósito feito em um dos caixas eletrônicos do Bradesco.

Ao ser alertado que poderia ser um golpe, ele acionou a Polícia Militar de Vianópolis e solicitou ajuda.

O vianopolino foi orientado pelos policiais militares a solicitar a não validação do depósito. Como foi feito em um envelope do Bradesco, o depósito somente seria validado no dia seguinte.

Já na manhã de ontem, 21/07, o vianopolino entrou em contato com a gerência do Bradesco e solicitou que o depósito não fosse validado. Posteriormente, ele se dirigiu à agência e recebeu de volta o valor depositado.

Esta matéria é feita buscando alertar as pessoas quanto as modalidades de golpes que existem.

Fiquem sempre atentas e se cuidem para não serem vítimas de golpistas.

Cuidado!

 

golpe-e1526983954650

Um comentário em “Vianopolino faz depósito para golpista, mas banco consegue fazer estorno e devolver dinheiro

  • 22 de julho de 2021 em 10:51
    Permalink

    Bom dia
    Só para quem viveu este momento sabe que é uma sensação estranha!!, o golpe do “sobrinho mais querido” do “primo preferido”, que viria visitá-lo e o veículo deu pane na rodovia e bla bla bla, o resto todo mundo sabe.
    Vivi os dois personagens da história: como administrador do Banco do Brasil, consegui reverter o terceiro depósito de uma suposta vítima, R$ 850,00, mesmo caso, depósito feito após o horário de processamento. Além de reverter possível crédito contactei a agência detentora da conta usada na fraude e aquela agência bloqueou e encerrou a conta do crédito das fraudes, comumente alugada de outra pessoa.
    Naquela mesma data o mesmo golpista tentou aplicar o mesmo golpe em minha pessoa, confrontando o número do celular que fez a ligação e coincidia, DDD 81.
    De cara sabia tratar-se de golpe, meus parentes moram todos no sul e nem saem de casa.
    A primeira pergunta que lhe fiz eu o derrubei, perguntei pelo meu nome completo, foi pahhhhhh, enrolou e desligou o telefone.
    💸💸💸💰💰💰📤

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *