Secretaria de Saúde de Vianópolis recebe orientações de como agir quanto a casos suspeitos de varíola dos macacos

A Secretaria Municipal de Saúde recebeu comunicado da Secretaria Estadual de Saúde com orientações de como agir com relação ao surgimento de casos suspeitos de varíola dos macacos. Desta maneira, profissionais da saúde de nosso município estão recebendo orientações para o enfrentamento de casos que possam vir a surgir em nosso município.

Felizmente, segundo apurou nossa reportagem, nenhum caso suspeito foi registrados pelas autoridades sanitárias em Vianópolis.

É esperada, para os próximos meses, a realização da vacinação contra a varíola dos macacos.

Conforme já foi anunciado, o Ministério da Saúde deve receber até, o final deste mês, doses da vacina, distribuí-las aos Estados e, posteriormente, estes farão a distribuição aos municípios.

A previsão é que o Brasil receba doses da vacina no final deste mês.

Como se trata de previsão, não existe data definida para o início da vacinação.

As vacinas foram encomendadas junto à Organização Pan-Americana de Saúde e à Organização Mundial de Saúde.

O esquema de imunização deve ser de duas doses, com intervalo de 30 dias entre elas.

Causada por um vírus, os sinais e sintomas da doença podem durar entre duas e quatro semanas.

A transmissão ocorre principalmente pelo contato pessoal e direto com secreções respiratórias, lesões de pele de pessoas contaminadas ou objetos infectados.

A transmissão por meio de gotículas requer contato mais próximo entre o paciente infectado e outras pessoas, por isso, trabalhadores da saúde, membros da família, parceiros e parceiras têm maior risco de contaminação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.